menu

Após estragos da chuva em Belém e municípios, governador visita áreas alagadas

Estado presta assistência aos desabrigados após fortes chuvas

Após estragos da chuva em Belém e municípios, governador visita áreas alagadas Governador visita Rovodia PA - 256 que cedeu por causa da chuva (Fernando Araújo/Agência Pará) Notícia do dia 25/03/2019

DEAMAZÔNIA BELÉM, PA - As famílias desabrigadas após as cheias dos rios Uraim e Paragominas, ocorridas no último sábado (23), no sudeste do Pará, receberam, neste domingo (24), a visita de uma comitiva do Governo do Estado. O chefe do Executivo estadual, Helder Barbalho, e o vice, Lúcio Vale, foram até o município de Paragominas, atingido pelas fortes chuvas, e anunciaram a entrega, a partir da próxima quarta-feira (27), de 500 cestas básicas e kits de higiene. Em Paragominas parte da Rodovia PA-256 foi destruída.

 

Belém e vários municípios do interior do Pará sofreram com alagações no fim de semana devido a forte chuvas e incidência de maré alta. O governador também visitou São Domingos do Capim onde houve até o uso de botes nas ruas.  

Acompanhado de vários secretários de Estado, o governador também informou outras medidas que serão tomadas para ajudar a Prefeitura Municipal a minimizar os estragos causados pelas enchentes na cidade. “Trouxe comigo também a Defesa Civil Estadual. Contamos com a participação da Setran na recuperação da pista da PA-256, no trecho que desabou e precisou ser interditado. Nós já estamos com obras desde o momento que identificamos o problema. Continuaremos dialogando com a prefeitura para que a Secretaria de Assistência possa, ainda, apoiar as famílias nesse momento de sofrimento, para que consigamos minimizar as dificuldades causadas pelo desastre, e apoiar a população de Paragominas”, disse Helder Barbalho.

 

A comitiva iniciou a visita pelo abrigo improvisado no Umamp e seguiu para as instalações da Escola de Ensino Fundamental Salmonozor Brasil, onde algumas famílias também estão sendo abrigadas e atendidas. De lá, o grupo seguiu para a PA-256, em que parte da pista, logo no primeiro quilômetro da rodovia, cedeu. Por fim, a equipe de governo foi até a localidade Novo Horizonte.

 

Segundo a coordenadora da Defesa Civil de Paragominas, também atual secretária Municipal de Assistência, Tânia Cardoso, 25 famílias foram atendidas. “Nos dois abrigos, estamos dando assistência a 86 pessoas no total, sem contar aqueles que não estão abrigados, mas que buscam nosso apoio de outras formas, com orientação, por exemplo”, detalhou.

 

Hayman de Souza, do Corpo de Bombeiros, esclarece que a informação de que a enchente teria sido provocada pelo rompimento de uma represa ou barragem não procede. “É um rio que é muito alto. Por conta da chuva, ocorreu a elevação do leito”, justificou. De acordo com ele, após a providência das 500 cestas básicas para as famílias que estão em situação de risco, a corporação vai fazer orientações sobre questões burocráticas. “

 

Recuperação da PA-256 – A Setran informou que as primeiras ações do órgão foram isolar a área do desabamento, acionar uma empresa para a execução de um contrato emergencial e deslocar uma equipe para atuar no local.